Conecte-se

Esporte

Justiça espanhola decide que Neymar deve ser julgado em Barcelona

Publicado

em

A Justiça espanhola decidiu que as suspeitas de fraude fiscal e sonegação de impostos na contratação do jogador brasileiro Neymar da Silva Santos Júnior pelo clube de futebol Barcelona, em 2013, devem ser julgadas na capital catalã. A decisão vem a público em meio a rumores de que, dois anos após deixar o clube catalão para vestir a camisa do Paris Saint-Germain, o atleta esteja negociando seu retorno ao estádio Camp Nou.

Divulgada hoje (28), a decisão da 2ª Seção da Divisão Tribunal Penal atendeu a um pedido da própria defesa do atleta. No último dia 10, os representantes legais de Neymar solicitaram à Audiência Nacional da Espanha a transferência do local de julgamento de Madri para Barcelona alegando que os fatos em análise aconteceram na cidade catalã e que, portanto, o foro competente para julgá-los é o Tribunal de Barcelona. Segundo a agência de notícias EFE reportou na ocasião, a promotoria espanhola e representantes do fundo de investimentos DIS, autor da denúncia, se opuseram ao deslocamento de foro.

Em nota, o Poder Judiciário espanhol informou que, com o envio do chamado “Caso Neymar” para Barcelona, também serão julgados na cidade catalã o presidente do Barcelona, Josep María Bartomeu, e seu antecessor à frente do clube, Sandro Rosell; os pais de Neymar e a N&N Consultoria Esportiva, empresa da família do jogador.

“Examinadas as alegações das partes, a resolução indica que os fatos com relevância criminal foram cometidos em Barcelona”, acrescenta a nota, referindo-se à “estratégias criminosas enganosas” e às condutas que, segundo os magistrados da 2ª Seção, proporcionaram “deslocamentos patrimonial” por parte dos envolvidos.

Esta não é a primeira vez que decisão semelhante é anunciada a pedido dos réus. Em maio de 2015, a 3ª Seção enviou aos tribunais de Barcelona parte da ação penal que deu origem ao chamado Caso Neymar 1 e no qual, em junho de 2016, o Barcelona, então dirigido por Josep Maria Bartomeu, aceitou pagar 5,5 milhões de euros a título de um acordo com o Ministério Público.

Os processos contra Neymar tiveram origem em suspeitas de fraudes contratuais na transferência do jogador do Santos para o Barcelona, em 2013. Há indícios de que o Barcelona pagou pelo jogador mais do que o valor informado em contrato. A denúncia foi apresentada pelo fundo de investimentos DIS, que possuía 40% dos direitos do atleta e afirma ter sido prejudicado na negociação. Segundo o Ministério Público espanhol, ao contratar Neymar, o Barcelona “realizou uma série de negócios jurídicos através de empresas controladas pelo pai do atleta”, Neymar da Silva Santos. O objetivo do uso destas “intermediárias”, segundo o MP, era “fragmentar o real valor pago pelo jogador a fim de mantê-lo oculto”.

Em 2013, Neymar trocou o Barcelona pelo Paris Saint-Germain depois que o clube francês pagou uma multa rescisória estipulada em 222 milhões de euros.

Anúncio
Clique para Comentar

Deixe seu comentário

Esporte

Após 40 anos, mulheres retornam a estádio de futebol no Irã

Publicado

em

Por

O Irã goleou o Camboja por 14 a 0 em jogo válido pelas eliminatórias asiáticas para a Copa do Mundo de 2022. Mas, apesar do placar elástico, as atenções se concentravam nas arquibancadas no estádio Azadi, onde cerca de 4 mil mulheres acompanharam a partida.

Estas foram as primeiras mulheres em mais de 40 anos que viram um evento esportivo protagonizado por homens. Isto acontece porque desde a Revolução Iraniana, que aconteceu em 1979, as autoridades locais passaram a reprimir este tipo de iniciativa. O movimento tinha como uma de suas principais bandeiras afastar, e suprimir, as influências ocidentais na cultura local.

Segundo a agência oficial de notícias do Irã (Irna), a partida de hoje contou com um público de 6 mil pessoas, sendo 4 mil delas mulheres.

Posição da Fifa

Após a partida, o presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), o italiano Gianni Infantino, divulgou uma mensagem na qual afirmou que a entidade “continuará trabalhando (…) para ajudar a garantir que a coisa certa seja feita, que é permitir que todos os torcedores, independentemente do sexo, tenham a chance de ir aos estádios e desfrutar de uma partida de futebol”.

Essa mudança do governo do Irã em relação à presença feminina em eventos esportivos masculinos ocorre após pressão da Fifa, que enviou uma delegação a Teerã no mês de setembro para buscar formas de viabilizar o acesso de mulheres ao jogo contra o Camboja.

Críticas

Em setembro, o Irã se tornou alvo de críticas internacionais após uma mulher ter morrido ao colocar fogo em si mesma depois de ser condenada à prisão pela tentativa de assistir a um jogo de futebol.

A mulher teria tentado entrar no estádio vestida como homem.

Continue Lendo

Esporte

Interessados em participar do 1º Copão Miguel Squeff em Anápolis já podem se inscrever

Publicado

em

Por

Já estão abertas as inscrições para o 1º Copão Miguel Squeff, que se inicia no dia 9 de novembro em Anápolis. A competição terá 60 vagas para equipes de futebol de campo e mais 60 vagas para futebol society.

Os interessados podem se inscrever até o dia 18 de outubro, o regulamento e a ficha de inscrição está disponível no site da prefeitura municipal.

Cada equipe pode inscrever, no máximo, 25 atletas para o futebol de campo e 20 para o society. A ficha de inscrição deve ser preenchida em duas vias: uma fica com o time e a outra deve ser entregue à Secretaria Municipal de Esportes.

Além de troféus e medalhas, é oferecida premiação em dinheiro, no valor de R$ 17 mil (total). O dinheiro será distribuído entre campeão, vice-campeão, artilheiro, defesa menos vazada e jogador revelação, tanto do futebol de campo quanto do society. A competição prevê a realização de jogos em todos os campos varzeanos aptos, entre eles alguns tradicionais, como Barro Preto e Progresso, além do Estádio Zeca Puglise. A Prefeitura disponibiliza bolas, redes e arbitragem para todos os jogos.

Continue Lendo

Esporte

Anápolis vôlei joga neste domingo, 29, na Superliga C

Publicado

em

Por

No próximo domingo (29. Set), o time Anápolis Vôlei começa a jogar na Superliga C nacional e o primeiro desafio é contra a equipe Cidade Viva Vôlei/LRV (MT), às 11 horas, no Ginásio Newton de Faria.

O vôlei também é uma das modalidades esportivas que estão no programa “Torcida Premiada” e quem deseja assistir pode trocar os seus ingressos em uma unidade do rápido, em Anápolis.

Para ter direito ao ingresso, o contribuinte deve estar com o comprovante de que está em dia com os tributos municipais (IPTU, ITU e ISS). São dois ingressos para cada inscrição imobiliária ou por tomador, limitado a quatro ingressos por cadastro de contribuinte.

As vendas dos ingressos também estão disponíveis normalmente, na bilheteria do ginásio.

Confira abaixo toda a programação dos jogos em Anápolis:

28 de setembro – sábado

14h – Paysandu Sport Club (PA) x Sport Club do Recife (PE)

17h – Aceo Barreiras (BA) x Cidade Viva Vôlei/LRV (MT)

29 de setembro – domingo

11h – Anápolis Vôlei x Cidade Viva Vôlei/LRV (MT)

14h – Paysandu Sport Club (PA)x Aceo Barreiras (BA)

30 de setembro – segunda-feira

17h – Sport Club do Recife (PE)x Aceo Barreiras (BA)

20h – Anápolis Vôlei x Paysandu Sport Club (PA)

1º de outubro – terça-feira

17h – Sport Club do Recife (PE) x Cidade Viva Vôlei/LRV (MT)

20h – Anápolis Vôlei x Aceo Barreiras (BA)

2 de outubro – quarta-feira

17h – Cidade Viva Vôlei/LRV (MT) x Paysandu Sport Club (PA)

20h – Anápolis Vôlei x Sport Club do Recife (PE)

Continue Lendo

Em Alta