Conecte-se

Últimas Notícias

Federação dos Bancos brasileiros alerta sobre golpes online de compras do Dia dos Namorados

Publicado

em

Na proximidade de datas comemorativas, como o Dia dos Namorados, na próxima quarta-feira (12.Jun), aumenta o número de golpes nas compras online, alertou neste sábado (8.Jun) a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Segundo a Febraban, quadrilhas se especializaram em aproveitar momentos de grande volume de compras online, como nesta data, para aplicar golpes e roubar dados pessoais.

A federação alerta que é importante tomar cuidado com as informações compartilhadas, especialmente na internet. Ofertas tentadoras escondem, às vezes, links maliciosos que capturam dados pessoais. “Desconfie das promoções com preços muito menores do que o valor real do produto. Os criminosos aproveitam a empolgação dos consumidores, com a oportunidade de um bom negócio, para aplicar golpes”, alertou o diretor da Comissão Executiva de Prevenção a Fraudes da Febraban, Adriano Volpini.

Sites e e-mails falsos, ligações e mensagens são algumas das artimanhas usadas pelos golpistas para enganar as pessoas e ter acesso a informações pessoais, como nome completo, CPF, número de cartões de crédito e dados bancários.

Como os golpes são realizados

A pessoa recebe um e-mail ou mensagem com ofertas tentadoras. Ao clicar, é direcionada para um site falso. Acreditando ser uma página confiável, ela fornece dados sigilosos, como número de cartão de crédito e senhas. Com essas informações, os bandidos realizam transações, burlam bloqueios de segurança, desbloqueiam novos cartões e realizam a confirmação de dados pessoais da vítima.

Outro esquema muito utilizado pelas quadrilhas, diz a Febraban, envolve aplicativos maliciosos. O golpe também começa com o envio de um e-mail suspeito com um link. Ao clicar, um vírus se instala no dispositivo dando acesso total aos bandidos. Com essa técnica, comumente chamada de phishing, eles conseguem acessar dados como nomes de usuário e senhas e realizar transações.

Segundo a Febraban, as quadrilhas de phishing também costumam usar as redes sociais para ter acesso às informações das vítimas. Os criminosos usam perfis falsos com ofertas tentadoras de produtos mais baratos, promoções para ganho de pontos e milhagens e recadastramentos de segurança, usados como artifício para a captura de dados dos clientes.

Outro ponto que merece atenção são os celulares. A grande popularidade dos smartphones despertou a atenção das quadrilhas que passaram a criar golpes específicos para essa plataforma. É o caso do golpe da clonagem de WhatsApp, em que os criminosos enviam mensagens para os contatos da pessoa, fazendo-se passar por ela, pedindo dinheiro emprestado.

Uma medida simples para evitar que o WhatsApp seja clonado é habilitar, no aplicativo, a opção “Verificação em duas etapas” (Configurações/Ajustes > Conta > Verificação em duas etapas). Desta forma é possível cadastrar uma senha que será solicitada periodicamente pelo aplicativo.

Seguem mais algumas dicas:

· Ao receber um e-mail não solicitado ou de um site no qual não esteja cadastrado para receber promoções, é importante verificar se o remetente é, de fato, uma empresa idônea. Não clique em links. Digite os dados no navegador para acessar;

· Ao utilizar sites de busca, verifique cuidadosamente o endereço (URL) para garantir que se trata do site que deseja acessar. Fraudadores utilizam-se de “linkspatrocinados” para ganhar visibilidade nos resultados de buscas;

· Dê preferência a sites conhecidos e verifique a reputação de sites não conhecidos, lendo comentários de clientes que já utilizaram as plataformas;

· Nunca use um computador público ou de um estranho para efetuar compras ou inscrever seus dados bancários;

· Sempre utilize, em seu computador ou smartphone, softwares e aplicativos originais e mantenha sempre um antivírus atualizado;

· Caso seu celular seja roubado, entre em contato com a central de atendimento de seu banco para comunicar a ocorrência e bloquear as operações que podem ser feitas via smartphone;

· Não repasse nenhum código fornecido por SMS e nem qualquer outra informação sem confirmação com o setor responsável das empresas através dos canais de atendimento;

· Como regra, as grandes empresas de compra e venda na internet não mantém contato com o cliente através de aplicativos de mensagens, portanto sempre desconfie.

*Com informações da EBC

Anúncio
Clique para Comentar

Deixe seu comentário

Últimas Notícias

O agrotóxico que matou 50 milhões de abelhas em Santa Catarina em um só mês

Publicado

em

Por

Uma investigação em Santa Catarina revelou que cerca de 50 milhões de abelhas morreram envenenadas por agrotóxicos em janeiro deste ano.

Os testes – pagos com recursos do Ministério Público estadual – mostraram que a principal causa foi o uso do inseticida fipronil, usado em lavouras de soja na região.

A substância foi proibida em países como Vietnã, Uruguai e África do Sul após pesquisas comprovarem que ela é letal para as abelhas.

Santa Catarina é o maior exportador de mel do Brasil e tem 99% de sua produção certificada como orgânica. Os produtores temem que a mortandade gere dúvidas sobre a qualidade do mel catarinense e abale seus negócios.

Ao inspecionar seus apiários, em janeiro, produtores do Planalto Norte catarinense – região onde as florestas nativas vêm perdendo espaço para o eucalipto – encontraram as abelhas dizimadas.

Continue Lendo

Últimas Notícias

Governo Sanciona alteração na Lei Maria da Penha

Publicado

em

Por

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta terça-feira (17. Set) o projeto de lei que obriga  agressores de mulheres a ressarcir o Sistema Único de Saúde ( SUS ) dos custos do atendimento médico-hospital das vítimas de violência doméstica e hospital.  Eles também deverão repor os gastos com os “dispositivos de segurança” utilizados pelas vítimas.

Aprovado pela Câmara e pelo Senado, o texto que  altera a Lei Maria da Penha foi sancionado por Bolsonaro durante cerimônia fechada, no Palácio da Alvorada. O presidente está despachando da residência oficial, onde se recupera da cirurgia realizada no dia 8 de setembro para a correção de uma hérnia.  O evento contou com a presença de parlamentares, ministros e do vice-presidente Hamilton Mourão.

De acordo com o Planalto, a medida é necessária para agressor “responder pelos seus atos de violência contra a mulher, não só na esfera penal e na criminalização de sua conduta, mas também por meio do ressarcimento aos danos materiais e morais causados pela sua conduta ilícita.”

O governo Bolsonaro justificou ainda que a medida reforça políticas públicas “que visam coibir a violência contra as mulheres e, consequentemente, garantir a proteção à família.”

O projeto de lei entrará em vigor 45  dias da data de sua publicação, prevista para quarta-feira no Diário Oficial da União (DOU).

Na mesma cerimônia, Bolsonaro sancionou também o projeto que garante a mães o direito de amamentarem seus filhos durante a realização de concursos públicos. A criança deverá ter até seis meses de idade no dia da realização da prova. A mãe poderá amamentar cada filho por 30 minutos, a cada duas horas. O tempo utilizado na amamentação será compensado.

Com informações O Globo

Continue Lendo

Últimas Notícias

6° Fórum de Mobilidade Urbana e Trânsito ocorre nesta quinta-feira, 19, em Goiânia

Publicado

em

Por

Nesta quinta-feira, 19 de setembro, acontece o 6° Fórum de Mobilidade Urbana e Trânsito, na sede do Serviço Social de Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat), em Goiânia das 8h30 ás 18h30. O tema da edição de 2019 é “Cidades para Pessoas”.

O principal objetivo do Fórum é discutir soluções para cidades mais inclusivas, sustentáveis e democráticas para as pessoas.

Confira a programação completa do evento AQUI.

Serão realizadas várias atividades envolvendo profissionais e pesquisadores de diversas áreas do conhecimento ligadas à cidade e à mobilidade urbana.

Palestra e Mesa de Debate

No evento vão ocorrer apresentações de Grupos de Trabalho (GT) e, no período matutino, será realizada a palestra ‘Releitura de Redes de Transporte: Promovendo a Acessibilidade de Oportunidades e Equipamentos’, com o professor da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Diogo Pires Ferreira.

No período vespertino acontece a mesa de debate ‘Políticas Públicas para a Mobilidade Urbana e Trânsito’. A mesa será composta por três debatedores: professor David Duarte Lima, da UnB; Benjamim Kenedy, presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) e Hugo Paraguassu Serradourada, do Programa Educando e Valorizando a Vida (EVV) da UEG.

Profissionais e Pesquisadores

Diogo Pires Ferreira: é professor na Universidade Federal da Bahia, pesquisador e já foi coordenador de projetos de transporte na World Resources Institute (WRI). No 6° Fórum de Mobilidade Urbana e Trânsito, vai tratar da necessidade de integração entre as redes de transporte público para uma maior acessibilidade;

David Duarte Lima: é professor da Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília (UnB); foi diretor do Conselho Nacional de Trânsito (Cotran) e tem experiência na área de Saúde Pública com ênfase em acidentes de trânsito;

Benjamim Kenedy: é engenheiro, presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) e membro da equipe Eixo de Mobilidade e Acessibilidade do Plano Diretor de Goiânia;

Hugo Paraguassu Serradourada: é coordenador geral do Programa Educando e Valorizando a Vida da Universidade Estadual de Goiás (EVV|UEG); também é professor e geólogo.

Continue Lendo

Em Alta