Conecte-se

Últimas Notícias

Casa Joana lança calendário para ajudar a manter o projeto

Publicado

em

A Organização Não-Governamental (ONG) Casa Joana lançou nesta segunda-feira (23.Jan) o calendário 2018 em parceria com a blogueira Layla Monteiro. O evento foi realizado na sede da concessionária Kia que também abraçou a causa da instituição.

“Convidamos a Anapolina e blogueira Layla Monteiro que pode nos ajudar a abrir novos caminhos para os trabalhos realizados na Casa Joana”, explicou Juliana Francis, fundadora da Casa Joana.

Formadora de opinião, a blogueira Layla Monteiro esteve no evento junto com os voluntários e as crianças atendidas pela ONG que marcaram presença no lançamento do calendário.

“Eu fiquei muito honrada com o convite. Estar participando de um calendário como esse, com essas crianças maravilhosas. Eu espero que seja um sucesso porque a Casa Joana realmente precisa”, falou Layla Monteiro que elogiou todo o trabalho feito pela instituição.

O calendário será vendido a um valor de R$ 12,00 para ajudar nos projetos que serão feitos em 2018. O material será vendido na sede da ONG, localizada na Avenida Mato Grosso, quadra 70, lote 15 A, Bairro Jundiaí.

“Vamos vender também pelas redes sociais e alguns amigos venderão nas suas lojas”, detalhou a fundadora da Casa Joana, Juliana Francis.

Casa Joana

A ONG atende crianças e adolescentes com Síndrome de Down e autismo. A dedicação da voluntária Juliana Francis tem feito a diferença em Anápolis (Go).

Ela fundou a instituição em 2013, após o nascimento de Joana, sua filha. “Depois disso que eu corri atrás. A gente começa a enxergar a pessoa com deficiência depois que a gente tem a convivência de uma pessoa próxima”, declarou Juliana.

Ela conta emocionada que cresceu sem ter contato com ninguém que tivesse Síndrome de Down. “Não tive nenhum amigo que brincasse comigo. Parece que antigamente as crianças eram escondidas. Nunca conheci nenhuma criança para eu ter esse conhecimento”, lamentou a voluntária.

Ela conta que o conhecimento torna as coisas mais fáceis, e que seu sofrimento foi por nunca ter tido a convivência. Mas ela começou um trabalho do zero. Após pesquisas e apoio de outras pessoas decidiu abrir a Casa Joana.

Após cinco anos, o espaço atende mais de 200 crianças e adolescentes com Síndrome de Down e autistas. Todos que estão na instituição são voluntários e oferecem seu tempo e dedicação para ajudar os alunos e suas famílias.

Juliana diz que se identifica com as boas notícias que são divulgadas. Quando ela conhece histórias de superação em que o portador de alguma deficiência está fazendo faculdade, pratica algum esporte, ou casou, ela compartilha que sonha tudo isso para todos que são atendidos na Casa Joana.

“Comecei atendendo apenas as crianças com Síndrome de Down, mas abri espaço para os autistas depois que me procuraram e pediram ajuda”, relatou Juliana que ressaltou que para cada criança atendida, ela precisa sempre correr atrás de voluntários.

“Eu sou voluntária: dou aula de artes, desenho, pintura. Eu consigo trabalhar no coletivo. Mas precisamos de mais. Fui atrás de parceiros de fora e a abertura é muito pouca. Sou eu sozinha praticamente. Então é muito difícil”, disse.

Anúncio
Clique para Comentar

Deixe seu comentário

Últimas Notícias

Senai Anápolis amplia instalações Mecânicas Automotiva em parceria com a CAOA

Publicado

em

A faculdade SENAI Roberto Mange de Anápolis realizou na manhã desta quinta-feira (22. Mai) a entrega da nova área da Mecânica Automotiva para os alunos da instituição, que foi reestruturada em Parceria com a CAOA Montadora.

Os investimentos da indústria automobilística inclui a doação de novos veículos e equipamentos para a capacitação e atualização tecnológica de seus funcionários e também da comunidade, visando à formação de profissionais.

Desde a instalação da montadora em Anápolis, o SENAI é responsável pela formação de toda a mão de obra local contradada pela empresa. Ao longo dos anos, mais de 3 mil colaboradores foram treinados em mais de 20 cursos de atualização e qualificação tecnológica.

O presidente da FIEG, Sandro Mabel, falou sobre o desejo de fazer com que Anápolis volte a ser um polo de desenvolvimento.

“Com isso tudo nós estamos dando condições de não trazerem mão de obra de fora e sim contratar a anapolina, que é boa e dentro das nossas escolas elas são treinadas e preparadas para trabalhar”, ressaltou.

Desde janeiro de 2019, algumas empresas ameaçaram sair de Anápolis por conta do aumento dos tributos de Imposto Sobre Circulação De Mercadorias E Serviços (ICMS). Segundo o presidente da FIEG, esse impasse já está sendo resolvido, e essa ampliação no SENAI é mais um incentivo para que essas indústrias permaneçam na cidade.

A entrega das novas instalações da mecânica integra a programação da semana da indústria, comemorada nas instituições do sistema FIEG em todo país. Desde o dia 21 até o dia 25 as unidades SESI/SENAI tem programação especial que abrange a realização de palestras, cursos, oficinas, exposições, visitas às indústrias e apresentações culturais.

Continue Lendo

Últimas Notícias

Idoso é preso em Catalão por dirigir alcoolizado

Publicado

em

Na tarde desta quarta-feira (22. Mai) um idoso de 71 anos foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR 050, em Catalão, por dirigir alcoolizado.

A equipe de policiais flagrou um Chevrolet Onix ultrapassando em faixa proibida. Ao abordar o veículo, os agentes constataram que o condutor estava impaciente, para a polícia ele disse que ultimamente estava muito triste em função de ter perdido sua mãe recentemente.

Ele foi submetido ao teste de bafômetro e foi reprovado com teor alcoólico de 0,41 mg/l, disse ainda que fez a ingestão de bebidas alcoólicas até às 22h de ontem.

Segundo o Senhor, ele saiu de Brasília/DF com destino a Araguari/MG para resolver problemas familiares, a PRF constatou que ele já estava viajando cerca de 300 km sob efeito de álcool.

O idoso foi autuado por ultrapassagem proibida e embriaguez ao volante e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil local.

Continue Lendo

Últimas Notícias

PRF apreende carro de luxo com cerca de 500 mil reais de cargas contrabandeadas do Paraguai

Publicado

em

Na noite desta quarta-feira (22. Mai), A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu na BR 153, em Morrinhos, um Audi A3 com cerca de 500 mil reais em cargas irregulares, compradas no Paraguai.

No veículo que foi parado em abordagem de rotina estavam dois homens de 34 e 37 anos de idade, e ao ser fiscalizado, os agentes encontraram produtos contrabandeados do Paraguai como eletroeletrônicos diversos, IPads, IPhones, receptores de TV fechada, caixas de som  e relógios.

Segundo os ocupantes do veículo, o carro foi locado por lojistas de camelódromos de Goiânia para buscar mercadorias no Paraguai para serem comercializadas na capital goiana.

O veículo foi apreendido e lacrado e será encaminhado ao depósito da Receita Federal em Senador Canedo.

Continue Lendo

Em Alta