Conecte-se

Esporte

Anapolina faz novo amistoso para testar peças do elenco

Publicado

em

Nem só de 11 jogadores vive um time, na verdade o elenco necessariamente precisa ter peças fortes para que se alcance objetivos maiores em qualquer campeonato de futebol. Pensando nisso, Vilson Taddei promove nesta quarta-feira (10.Jan), o jogo treino contra a equipe do Ceilândia-DF. A entrada de alguns jogadores que não tiveram oportunidade de jogar com a equipe que vem sido trabalhada nos treinamentos no CT Leandro Ribeiro.

O TIME

O time irá a campo com alterações em todos os setores, da defesa ao ataque, é a chance para o torcedor também conhecer a capacidade de cada contratado colorado. É o caso do zagueiro Jonas, que entrou no segundo tempo do primeiro amistoso no último sábado, agora terá a chance de mostrar que será o dono da posição ao lado do jovem Garutti. Os dois terão oportunidade de mostrar entrosamento em campo e fora dele passar confiança ao torcedor da Rubra.

No meio campo é a vez do experiente Esquerdinha sair jogando e mostrar que será a referência técnica deste time. O meia contratado do Náutico e campeão goiano pelo Goiás chegou com as credenciais para se tornar ídolo da fanática torcida colorada, mas por problemas particulares, acabou prolongando seu recesso natalino e perdendo um pouco da forma física, por este motivo ele só entrou no segundo tempo na partida contra o Samambaia.

Velocidade No Ataque

Lá na frente o treinador Taddei também observa opções que ele poderá precisar na competição que se aproxima. Com dores, o centroavante Pedro Oldoni será poupado para o jogo desta quarta-feira (10.jan), seu substituto será o jovem Jacó. Outro que será testado mais a frente é o meia Vítor Xavier que formará o sistema ofensivo com o outro atacante mais aberto, Guilherme. Nesta mudança quem saiu da equipe para este confronto foi Robson Duarte, um dos destaques contra o Samambaia com duas assistências e um jogo muito consistente pelas pontas, vai observar seus companheiros nesta tentativa de ganhar mais força e conjunto para o elenco da Anapolina.

Novamente o palco será o Zeca Puglise

Ainda sem possibilidades de utilizar o estádio municipal Jonas Duarte, a equipe colorada jogará no acanhado estádio Zeca Puglise. O acesso ao palco do jogo será condicionado ao pagamento de R$ 10 como ingresso para a partida. O torcedor promete acompanhar de perto e observar se este time tem condições de brigar pelo tão sonhado título para a Anapolina neste ano que se completam 70 anos de fundação da Associação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncio
Clique para Comentar

Deixe seu comentário

Esporte

Competição de natação do Centro-Oeste é realizada neste sábado, 18, em Anápolis

Publicado

em

Na manhã deste sábado (18.Mai), às 8h30, acontece no Parque Aquático da UniEvangélica o último dia do festival de natação CBDA/Correios Centro-Oeste de mirim e petiz que integra a programação dos jogos abertos.

Confira abaixo os horários:

7h30 – Aquecimento

8h30 – Solenidade de Abertura e Desfile das Equipes

9h – Início da 2ª etapa

14h – Aquecimento

15h – Início da 3ª etapa

São 18 modalidades inscritas nos jogos abertos, as competições acontecem entre mais de 300 agremiações divididas entre, por exemplo, Basquete, Badminton, Futevôlei, Handebol, Futebol, Futsal, dentre outras. O campeonato que já está em sua 29º edição tem duração de dois meses e acontece sempre no primeiro semestre do ano.

Na modalidade de natação os atletas paraolímpicos do projeto anapolino esporte em ação se destacaram e saíram na frente em todas as provas na competição dos jogos abertos que aconteceu no último sábado (11. Mai). Confira o resultado.

Continue Lendo

Esporte

Familiares de judoca Anapolina buscam apoio para mantê-la no esporte

Publicado

em

No dia 4 de maio a judoca anapolina Roberta Borges participou de uma das etapas decisivas do campeonato brasileiro região IV sediado na cidade Ji-Paraná em Rondônia pelo Distrito Federal, onde foi campeã na categoria sênior e vice no sub 21. Na competição havia mais de 800 participantes de diferentes estados do país, incluindo Goiás.

Judoca anapolina Roberta Rodrigues

No próximo fim de semana a atleta também irá competir em Belo Horizonte pelo Distrito Federal, na categoria sub-21 menos 78 kg.

Após vencer o campeonato em Rondônia, a atleta se classificou para a final do campeonato brasileiro em Lauro Freitas na Bahia. Ela irá competir em duas categorias que acontecerá em datas diferentes, sub-21 nos dias 7 e 8 de setembro, e sênior que será no dia 30 de novembro e 1 de dezembro.

O pai, Roberto Rodrigues, conversou com a equipe do A1minuto para falar sobre a carreira da filha no esporte. Segundo ele, a atleta não tem patrocínio e reclama da dificuldade que é manter as viagens da filha para as competições fora do estado.

“Muitas vezes preciso pedir ajuda a amigos e familiares. É um grande desafio, mas me esforço por ela que vem ganhando cada vez mais destaque no esporte. Meu pedido é para quem poder ajudar ela nessas competições que são longe, que nos ajude”, declarou Roberto.

Roberta é Anapolina e com as vitórias nas principais competições do Brasil, foi convidada para representar o Distrito Federal, onde ela ganhou mais oportunidades.

“Por isso eu peço que ajudem a divulgar os resultados da minha filha. Em Goiás ela não encontrou espaço, mas com todo seu esforço ela vem conseguindo bons resultados através do incentivo na Capital Brasileira. Quero que ela continue no esporte”, falou.

Continue Lendo

Esporte

Brasil surpreende EUA em final de revezamento 4x100m e conquista vitória

Publicado

em

O atleta Paulo André Camilo de Oliveira levou o Brasil à vitória fechando o revezamento masculino de 4×100 metros no IAAF World Relays em Yokohama, no Japão, neste domingo (12. Mai), ao terminar a prova com 38s05, apenas dois centésimos na frente do quarteto americano. Os britânicos marcaram 38s15 e ficaram na terceira posição.

Além do título, o quarteto brasileiro composto por Rodrigo Nascimento, Derick Silva, Jorge Vides e Paulo André fez a melhor marca do ano no mundo na temporada.

O IAAF World Relays é um torneio com provas de revezamento disputado desde 2014 que está em sua quarta edição e passou a ser bianual desde 2015. Essa é a primeira vez que o evento é realizado no Japão, as outras três primeiras edições foram disputadas nas Bahamas.

No 4×100 feminino, a equipe formada por Ana Carolina Azevedo, Lorraine Martins, Franciela Krasucki e Vitória Rosa terminou na quarta colocação, com tempo de 43.75 segundos. 

Continue Lendo

Em Alta